terça-feira, 23 de outubro de 2012

Movimento de pensionistas cria Associação - APRE!

O Movimento que se concentrou em Coimbra no Domingo, segundo o Jornal Publico de 22/10/2012,  "vai avançar de imediato para a criação de uma associação que se designará de “APRE!”, um acrónimo dos seus constituintes [aposentados, pensionistas e reformados], revelou a líder do movimento, Maria do Rosário Gama.

De imediato serão criados núcleos distritais do movimento e solicitadas audiências, “com carácter de urgência”, ao Presidente da República, à presidenta da Assembleia da República e aos Grupos Parlamentares, de modo que os membros da “APRE!” Sejam recebidos antes da aprovação do OE para 2013.

“Vamos tentar, por todos os meios que nos é possível, levar para a frente a defesa dos nossos direitos”, afirmou Maria do Rosário Gama, que em 2011 se aposentou do cargo de directora da Escola Secundária D. Maria, em Coimbra, considerada ao longo de vários anos a escola pública com melhores resultados nos exames nacionais.

Segundo a líder do movimento cívico, à Presidente da Assembleia da República pretendem apresentar as razões da sua contestação aos cortes, que afirmam já terem sido declarados inconstitucionais em acórdão do Tribunal Constitucional.

“Vamos-lhe dizer que estamos a ser alvo de um corte nas nossas pensões, que pensamos que será inconstitucional, na medida em que as pensões não podem ser cortadas. As pensões foram-nos atribuídas em função dos nossos descontos”, sublinhou Maria do Rosário Gama.

A “APRE!” vai também fazer consultas jurídicas tendo em vista a apresentação, por grupos de pensionistas, de providências cautelares nos tribunais administrativos, para suspender os cortes.

Na reunião, durante a fase das intervenções, vários pensionistas apelaram à luta contra os cortes, pela “defesa pela dignidade humana”, “pela justiça”, “contra o enxovalho” .

Um momento de humor, que alastrou às cerca de três centenas de presentes na reunião, foi protagonizado por um dos participantes ao propor para “sócios de honorários” da “APRE!” a presidente da Assembleia da República, Assunção Esteves, e o Presidente da República, Cavaco Silva, por ambos “serem também reformados”."





Movimento de pensionistas avança com acções contra os cortes no Orçamento - Política - PUBLICO.PT

Sem comentários: